Lorde Lobo Charge

Lorde Lobo Charge

sábado, outubro 06, 2012

É o que temos...







A Imagem acima é um pouco desconhecida 
de uma geração inteira de brasileiros. 
Uma pena.




A minha geração conseguiu assisti-la ao vivo pela TV, na tarde de 15 de Janeiro de 1985 pelo "Plantão da Globo", que àquelas alturas já tinha sido obrigada a engolir o fato e divulgar as imagens...


Ela mostra o exato momento em que a Multidão em frente ao Congresso Nacional, abriga-se da chuva repentina em baixo de uma Imensa Bandeira Brasileira, enquanto a Cantora Fafá de Belém cantava o Hino Nacional " À Capela" nos auto-falantes, minutos depois que a Câmara dos Deputados dava a Vitória a Tancredo Neves na Votação INDIRETA no Colégio Eleitoral, derrotando o Candidato da Ditadura, Paulo Maluf.




A cena NÃO mostra APENAS 

pessoas fugindo da Chuva...



Ela tem uma conotação mais profunda que engasgou e comoveu a nação inteira. O Simbolismo dela representava um Povo que abrigava-se embaixo de um simbolo nacional, fugindo da chuva e da Ditadura.
Eram os brasileiros se abrigando no que restava de Brasil.





Tancredo era um dos Estandartes de Defesa da Democracia e do fim do Governo Militar. Talvez o expoente mais moderado na época e consenso entre aqueles que lutavam contra o Regime desde o Golpe de 64.


Eu não lembro o que eu fiz na hora que vi essa imagem, mas meu Pai provavelmente tenha chorado...




Para se chegar até aí, até a Migalha Mínima de uma Eleição Indireta, o caminho foi tortuoso, doloroso...

Antes disso, a Emenda Dante de Oliveira - que previa a volta das Eleições DIRETAS para Presidente da República -  havia sido rejeitada por uma Manobra traiçoeira do PDS, o Partido de Sustentação do Regime Militar, que mesmo recebendo a maioria dos Votos dos Deputados Presentes, foi absurdamente rejeitada diante de um Mar de Silêncio imposto aos meios de comunicação.







Tropas do Exército ocupavam Brasília no dia da Votação da Emenda, as regiões Sul e Sudeste sofreram um "apagão" na noite anterior á votação e no final da tarde do dia seguinte. Rádios e TVs saíram do ar, enquanto o Instituto IBOPE desafiava o Regime ao divulgar que 84% dos Brasileiros queriam de volta a Democracia.










Em uma tão Histórica quanto Dramática luta, deram as mãos todos os Sobreviventes da HOJE EXTINTA esquerda Brasileira.


O Movimento era Liderado por Ulysses Guimarães, Tancredo Neves, Lula, Mario Covas, Leonel Brizola, Franco Montoro, Fernando Henrique Cardoso, Orestes Quércia, Miguel Arraes e Pedro Simon.

Lutavam contra a Democracia, José Sarney, Antonio Carlos Magalhães, Paulo Maluf, Aureliano Chaves e grande parte da Mídia, principalmente aquela sob comando de Roberto Marinho, o fundador da Rede Globo de Televisão.






Apesar de tudo,
O Governo Militar venceu.




As Diretas só foram Conquistadas em 1988 com uma nova Constituição, depois da Transição Política que colocou através do voto Indireto, Tancredo Neves - da Esquerda do antigo MDB - que só foi aceito com a condição de ter a seu lado José Sarney - da ARENA/PDS, o Partido de Sustentação da Ditadura  - na linha de frente para ocupar o Cargo do General Figueiredo e começar a Governar em 1985 até a Formação de uma Assembléia Nacional Constituinte a partir de 1987.








Tancredo Neves morreu antes de assumir a Presidência.



E veio José Sarney, seu Vice; o "Mais do Mesmo" com embalagem de Mudança e um Pacote de mentiras enlatadas que perduram até hoje.


E depois veio Collor, num desastre Eleitoral Imenso- na estréia da tão sonhada e desconhecida DEMOCRACIA - manipulado pelos resquícios da Ditadura infiltrados na Mídia e nas Instituições Conservadoras; depois veio seu vice Itamar Franco, obrigado a assumir depois que Collor foi derrubado por um Impeachment...


E depois Fernando Henrique, o Sociólogo.
E depois Lula, um operário.
E depois Dilma, uma Mulher; a Eva da Política Brasileira.







Viram?


Não foi fácil chegar até aqui.
E teve muito mais coisa antes...




Valorize o dia de Amanhã,
Domingo, 7 de Outubro de 2012.




O Voto não é o único 
Instrumento da Democracia.
É apenas um deles.


A Democracia Plena pode não existir...
Saramago diz que é Lenda, Paulo Brossard diz que é Real.
Vote.
Se julgar que alguém merece o seu Aval, vote!
Se julgar que ninguém merece, Anule!
Isso também é Democracia, embora
muitos chamem de Omissão.




Real ou Lenda, essa é a 
Democracia  que temos.

Bem utilizada ou não, é o que temos.
Fantasia ou Realidade, é a realidade irreal que dispomos até aqui.

A não ser, que resolvamos pegar em Armas
e virar tudo de Cabeça para baixo.
Mas isso, o DNA brasileiro impede 
e não nascem mais
Leoneis Brizolas neste território.






E é com um Desabafo dele que eu encerro o último dia do Gotas de Ácido na Cobertura das Eleições 2012 aqui neste Cantinho de Brasil, bem na pontinha do mapa,
onde as coisas parecem tão nebulosas.


Guardadas as Proporções, Situações e Circunstâncias 
que separam aquele 1989 de hoje,
o resumo da Ópera é quase sempre o mesmo.
As Palavras do Brizola no último debate 
de 1989, mostram isso.







"É preciso ter noção do que esta acontecendo
a sua volta, ao seu redor!
Vamos juntos dar uma resposta a tudo isto...

Olha... Se você quiser; se for da tua vontade,
se essa for a tua Consciência;
não vota no Leonel Brizola!
Aí há gente digna competindo...
leal e honestamente!

Mas não vota nesses candidatos!
(Collor e Silvio Santos)
Eles estão aí para te enganar!
Para tudo continuar como vai!
Este País esta sendo colonizado!
O nosso país esta em perigo!
A Pátria Brasileira esta em perigo!
Estão entregando o nosso país,
será que você não vê?
Você não vê que estão entregando 
nosso país?
Vai continuar na mão de gente irresponsável!
Esses dois, Collor e Silvio Santos, que não aparecem
em debates, que fogem...
Eles são dois instrumentos da liquidação
dos sonhos desse país; um Povo que
pode ter um destino próprio!

Vamos juntos dizer um não...
Escolhe entre nós aqui, aquele que você
considera capaz de pronunciar esse não
que tu tens abafado no teu peito!
Um não rotundo, contra tudo
que fizeram neste País nestes 25 anos!"



Leonel de Moura Brizola
1922 - 2004


Quem conheceu Brizola em sua Lucidez política,
certamente ouviu a voz dele ao ler o discurso acima.





Eduardo Bozzetti










O Gotas de Ácido volta Domingo, após o fechamento das 
Urnas para acompanhar a apuração do TSE.


Depois disso...

Vou passar um tempo na Caverna!




quarta-feira, outubro 03, 2012

Na ponta do funil.







Faltam pouco mais de três dias para que o Funil das Eleições em Rio Grande, permita passar UM dos ingredientes que formaram até a aqui, o "Suco" que foi feito sem açúcar há mais de quatro meses atrás.


Até o final da semana, finalmente vamos saber se Fábio Branco é um Ícone Imbatível de votos, carisma e aceitação popular ou se o PT conseguiu derrubar a Lenda quase Mitológica de Wilson Mattos Branco e um círculo de poder com raízes profundas, que se alterna no Executivo e no Legislativo local desde 1996.



Descobriremos também, quem será Premiado com a Culpa ou com os Louros na derrota e na vitória de cada um.




Ficaremos sabendo afinal, o resultado do racha entre a Antiga Aliança local entre Comunistas e Petistas, quebrada junto com um silêncio incômodo de duas partes que cresceram juntas e juntas chegaram ao topo em 2002/2010; no final das contas, uma fatalmente engoliria a outra. O que não era para ser regra!


Resta saber, quem engoliu quem ou quem vai ocupar o Espaço de quem depois de engolir...
Ou se ambas, juntas, vão pros Quintos dos Infernos na Política Local, abrindo um Caminho nunca antes visto para quem detém o Poder. 



As Eleições em Rio Grande passam obrigatoriamente pelos homens mostrados acima - Junto com uma bela Laranja - representante da figura ridícula, patética e apelativa do Sr. Roberto Ferreira que serviu descaradamente aos interesses do PMDB durante a Campanha, funcionando como um Fantoche sem vergonha na cara; abrindo um precedente perigoso e monstruoso que detona o já frágil "Princípio" de Democracia que possuímos. 



Num canto mais afastado e regado a Haldol e Gardenal, temos a figura de Públio Ferrari, incapaz de desenvolver uma idéia própria sem andar em círculos se contradizendo com Utopias Insanas, mostrando em todo seu esplendor  o Hospício que é o PSOL de Luciana Genro, que defende REVOLUÇÃO ARMADA em um Discurso e o Desarmamento no outro. Tudo no mesmo dia.





Descobriremos o Peso do Mensalão e da Sujeira Petista - defendidos por uma Militância que confunde Cegueira com uma Ideologia que foi abandonada nos anos 2000 - cujos escudos se apoiam em figuras Ultrapassadas e Patéticas locais, meia dúzia de Xiitas que fariam o Talibã deslocar militantes para ter aula em Rio Grande.
Mais ou menos os mesmos que fizeram a Enorme cagada que foi a Propaganda Eleitoral de Alexandre Lindenmeyer na TV; justamente onde as MASSAS SURDAS E CEGAS valorizam tanto em horário nobre, antes da Maldita Novela!





Saberemos o quanto pesa os 16 anos de Reinado de uma Família que protege Empresas Privadas, agem com atos obscuros em Licitações e em CPIs embargadas e vetadas com TOTAL apoio de uma Bancada Governista ridícula na Câmara de Vereadores. Apoiados por uma centena de sanguessugas do Poder espalhados em CCs, Secretarias e as mais sórdidas TROCAS em nome de um só objetivo: Agradar o rei em troca de favores. 

A população...?
Que se fôda!






Por fim saberemos quanto custou o Racha entre PT e PC do B em Junho. Lá em Junho, quando o PT convidou os Comunistas para o Combate, mas quis se dar o luxo de escolher as armas.


Esquecendo que em 2010 foi obrigado a engolir Michel Temer do PMDB para eleger Dilma; não utilizou aqui o mesmo princípio. Não aceitou a ARMA que o PC do B lhe ofereceu - Petter Botelho - e quando todos esperavam que surgisse então um nome de RESPEITO como o de Darlene Torrada por exemplo, eis que o PT se apresenta com EDUARDO LAWSON, ex sanguessuga de Fábio Branco.




Talvez pouco importe também, afinal de contas o Carro Chefe do PC do B, Júlio Martins, declarou em uma entrevista coletiva que o Objetivo da não indicação de Nando Ribeiro eram as Eleições de 2014.
Rio Grande que se dane em 2012...

Reuniões foram feitas...
Pressões, Coações e Histórias de Bastidores que causam Náuseas e Vômitos.
Ninguém cedeu.
Ninguém arredou o pé.


Foi aberta uma Lacuna e nela entrou mais um "pedacinho" de Fábio Branco e seus exércitos, entre eles a "Laranja", o retrato da Mentira representado pelo PT do B.
Nesta Lacuna, o PC do B se atira agora feito um Piloto Kamikaze...


"Me foderam, né?
Eu morro, mas vocês morrem junto!"




Foi deixado um vácuo nas linhas de frente e vácuos nas linhas de frente, fizeram os Aliados QUASE perder a Guerra para os Alemães em 1941.







Calaram-se os Militantes Petistas com VERGONHA de defender Lawson. Calaram-se Alguns Militantes comunistas, com medo de perder a "teta" que ocupam nos órgão federais  e estaduais chancelados pelo PT.
Foi uma briga de Cavalheiros.


Calou-se a Imprensa Riograndina que,  com exceção da TV FURG, o resto, trocado por Merda é caro!



Eu não sei se as Pesquisas mostram o Retrato Real das Ruas, mas elas deixam uma boa sombra. Não adianta choro.
É óbvio que os últimos dias serão premiados com duas Pesquisas Inquietantes e onde a Choradeira vai ser ouvida em Marte! 




O PC do B não tem dinheiro suficiente para bancar a Guerra que resolveu entrar. Não tem também eleitorado de Massa suficiente para encher uma Kombi, mas essa Kombi pode atropelar e matar Lindenmeyer. Julio Martins mesmo não possuindo o cu na reta como Alexandre e Fábio - Mais enrolados que pelo de cusco! - não possui o tão pretendido e sonhado "Apelo Popular" afinal, Rio Grande é uma Caverna. Na verdade, Julio entrou como um Piloto Kamikase disposto a provar que o PT precisa dele.
Basta ver quem ganha a aposta!
Eu aposto que o PC do B perde e perde feio.






Fábio Branco por sua vez, conta - além de um Cínico Talk Show de TV - com a Parcela mais Humilde, Pobre e com menos acesso à informação na Cidade. Parte dessa gente é Vítima, a outra parte é uma Tropa de Asnos, mesmo. Talvez por isso, o enorme empenho em manter à Cidade um Vilarejo nas últimas duas décadas.







E o PT...
Bom, o PT tem em Rio Grande entre 25 e 30 Mil Votos CATIVOS. 
O Resto que vier - E SE VIER - pode vir dos indecisos. Lindenmeyer - que já foi do PDS de Maluf e Molinari - é tão somente mais do mesmo travestido de Bom Moço. O PT absorveu parcelas podres da Política local na busca desesperada pra chegar ao Poder.
A Militância do PT conquista simpatia na mesma proporção em que perde. Ganha nas ruas, apesar de não falar o mesmo "Idioma Idiota" da Militância do PMDB, e perde nas Redes Sociais.







A Minha dúvida até Domingo, é saber quem são 
esses Indecisos e o que eles pensam.
Se é que pensam.





Eduardo Bozzetti